Cidadania

Mutirão de limpeza nas praias

FONTE: DESTAK 

Meta é superar as 24 toneladas de resíduos retiradas das praias e rios do país em 2017

Em sua 2ª edição, a Semana Mares Limpos, que promove a limpeza de praias, rios, lagos e lagoas do Brasil, com organização da ONU (Organização das Nações Unidas) Meio Ambiente e do Instituto Ecosurf, teve início neste sábado (15), na praia de Itapoá, em Santa Catarina, no Sul do país. O mutirão ecológico voluntário segue até o dia 23 de setembro. A meta é superar a ação de 2017, quando 136 grupos inscritos em 18 Estados coletou cerca de 24 toneladas de resíduos.

Bitucas de cigarro, tampas de garrafa, canudos, garrafas plásticas, sacolas plásticas de supermercado, embalagens plásticas em geral, copos e pratos plásticos, garrafas de vidro, pedaços de isopor e talheres plásticos foram os dez itens mais recolhidos. Mas também foram encontrados aparelhos eletrodomésticos portáteis, como um forno micro-ondas, um sofá e quase mil pinos eppendorf, tipicamente usados para transporte de drogas.

Para participar da Semana Mares Limpos basta se inscrever pela internet. Os grupos recebem um kit da campanha com cartilha de orientações sobre como realizar a limpeza e fichas de catalogação do lixo, entre outros materiais. Segundo a ONU, a coleta de resíduos deve obedecer a alguns princípios para que seja eficaz e tenha resultados duradouros.

A organização ainda pontua que a mobilização nacional é importante para dar visibilidade ao problema no território brasileiro, apontar onde é preciso atuar e levantar o panorama nas praias. Os dados das coletas serão reunidos em um relatório e entregues ao Ministério do Meio Ambiente, para subsidiar as discussões do Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar, previsto para ser lançado no ano que vem.

* Com Agência Brasil

 

Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Please let us know your name.
  2. Email
    Please let us know your email address.
  3. Captcha(*)
    Captcha
    Invalid Input