Inclusão Social

Evento leva serviços de saúde e inclusão social a população LGBT+

FONTE: JOÃO PESSOA 

O Centro de Cidadania LGBT, localizado no Parque da Lagoa Solon de Lucena, promove nesta terça-feira (29), das 8h30 às 12h30, a 5ª Feira de Serviços para a População LGBT+. A atividade é alusiva ao Dia Nacional de Visibilidade de Pessoas Travestis e Transexuais.

Participam do evento o Sine Municipal, a Secretaria de Habitação, o Celest, a secretaria de Desenvolvimento Social, o Banco Cidadão, a Ouvidoria Municipal, o Consultório de Rua, o Ruartes e a OAB. Dentre as atividades previstas, está a possibilidade de encaminhamento a emprego, através de parceria com empresas privadas, acesso a programas habitacionais, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e teste rápido para detecção de HIV, sífilis e hepatites virais.

De acordo com o coordenador de Promoção à Cidadania LGBT e da Igualdade Racial de João Pessoa, Roberto Maia, existe uma grande parcela da população LGBT+ que vive em situação de exclusão social. Por isso existe a necessidade de políticas públicas com o objetivo de incluir essa população em todos os serviços públicos garantindo empregabilidade, saúde, educação e habitação.

“O programa Transcidadania iniciou em João Pessoa em março de 2015 e atualmente temos 300 pessoas travestis e transexuais cadastradas no programa com inclusão delas nas empresas formais (28 contratações com carteira assinada), além de apoio social, jurídico, apoio psicológico e inserção nas casas de acolhida”, afirmou.

O Dia Nacional da Visibilidade de Transexuais e Travestis foi criado em 2004, na ocasião do lançamento de uma campanha nacional elaborada por lideranças do movimento de pessoas trans, em parceria com o Programa Nacional de DST/Aids do Ministério da Saúde.