Pessoas em situação de rua

Adolescente que morava nas ruas passa em 17 universidades

FONTE: SÓ NOTICIA BOA

Esse adolescente que vivia nas ruas, passou em 17 universidades, para surpresa dos que o julgavam pela situação financeira, pela cor e pela obesidade.

Dylan Chidick, de 17 anos, saiu de Trinidad e Tobago com sua família quando tinha 7 anos, e teve que morar nas ruas mais de uma vez.

O adolescente hoje vive em New Jersey, nos EUA e virou notícia na imprensa norte-americana ao ser aceito em “pelo menos” 17 faculdades americanas.

Dylan é filho de mãe solo, Khadine Phillip, e tem irmãos que sofrem de problemas cardíacos.

Determinação

Para ele, foi sua determinação e a coragem de sua mãe que o ajudaram a superar a pobreza e a falta de moradia.

“Eu preciso ter muita determinação”, disse, em entrevista à CNN.

“Muitas pessoas disseram que eu não iria conseguir. Essas cartas de aceitação [das faculdades] confirmam o que eu venho dizendo: que eu posso, e eu consigo”.

Dylan, que está no último ano do colégio, na Cidade de Jersey, foi introduzido à Honor Society, organização norte-americana que reconhece o mérito acadêmico e profissional.

Além da mãe, ele também agradece à Women Rising, uma organização não-governamental que auxilia mulheres em necessidade e também suas famílias.

“Ela ter se exposto daquela forma, me tornou mais determinado para nunca deixar que voltemos àquela situação”.

A ONG ajudou a família Chidick a conseguir moradia permanente, um local de estudo para Dylan, que aguarda sua última e mais importante carta de aceitação.

O estudante pretende entrar para o College of New Jersey, onde deseja estudar ciências políticas.