Mundo

Ingleses estão marcando mendigos com códigos de barra e isso é uma coisa boa

FONTE: MEIOBIT 

Como todos nós — e provavelmente também o Daciolo — sabemos, códigos de barra são uma invenção illuminati para propagar a mensagem de Satanás e avançar seus planos de conquista global, com a marca da besta do apocalipse em todos, justos e injustos. Mas fora isso eles também servem para muitas outras coisas, de configurar o autenticador do Google a viabilizar os caixas de seu supermercado predileto.

Agora surgiu uma nova idéia: aplicar códigos de barra a mendigos e moradores de rua (há uma diferença: em países ricos muitos moradores de rua têm emprego e não esmolam). Dito assim parece uma idéia fascista daquelas de fazer o Gêmeo Malvado do Trump dizer “gente, cês tão pegando pesado” mas o projeto é benigno e pretende resolver um problema gerado pela modernidade.

Se você reparar, a gente usa cada vez menos dinheiro. Vários países estão se encaminhando para uma sociedade totalmente eletrônica, onde qualquer transação é feita com cartões e biometria. Se você pensar, mesmo no Brasil quase todas as vezes que a gente usa dinheiro é por preguiça de tirar o cartão da carteira.

Agora pense como isso afeta quem literalmente vive de esmolas. Sem moedas, com cada vez menos trocado no bolso mesmo que o sujeito queira dar um qualquer pro pedinte, não tem como, e ninguém vai até um caixa eletrônico pra tirar dinheiro pra tia que pede dinheiro na porta do Starbucks.

Uma solução está sendo testada pela Greater Change, uma ONG inglesa. Eles são uma plataforma de doações online onde cada morador de rua é cadastrado e tem um “gerente de conta” pra evitar que o sujeito saque todas as doações e encha a cara de pão.

As doações são usadas para planos de longo prazo, e a ONG só trabalha com moradores de rua que estejam dispostos a melhorar de vida. São traçadas metas, como conseguir pagar por moradia ou comprar ferramentas para voltar a exercer um ofício.

Doadores anônimos dependendo do caso podem dobrar as doações, que podem ser feitas via app ou desktop. O dinheiro vai para a conta do beneficiado ou pode ser doado de uma forma geral, dividido então entre os vários participantes do programa.

Cada um tem um crachá com um QR Code, então a doação via app é rápida e simples. É um investimento na melhoria da vida do sem-teto, e como os monitores da ONG acompanham o sujeito você sabe que só vai completar a doação se ele estiver andando na linha.

Não é uma solução perfeita mas convenhamos: já é alguma coisa e ajuda a resolver um problema que nem deveria existir.

 

Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Please let us know your name.
  2. Email
    Please let us know your email address.
  3. Captcha(*)
    Captcha
    Invalid Input